RIO PRETO TV

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Whatsapp agora terá chamada gratuita de voz sem uso de operadoras, diz site! Entenda.

Não é de agora que muitas especulações mostram que o caminho natural do Whatsapp é que ele faça chamadas de voz entre os usuários. Assim como o Skype, segundo o site Android Police, a partir de agora, já é possível fazer ligações pelo mensageiro sem o uso de nenhuma operadora de telefonia. Mas calma! A novidade só é possível para quem tem o sistema operacional Android e na versão web do app do Facebook.
O site ainda afirma que a nova função só chega para quem tem a versão 2.11.528 do Google Play Store, ou 2.11.531, no site oficial do Whatsapp. Só que um detalhe chama a atenção: só poderão ter acesso ao recurso quem recebeu um convite para utilizar a ferramenta. Mas essa opção de envio não está mais disponível! Eita, Giovana! Que confusão!
Parece que o mensageiro do Facebook está testando a ferramenta e somente disponibilizou o uso para poucas pessoas. Se você conseguiu ser um dos felizardos, conta pra gente como é fazer ligações pelo app!
Ainda de acordo com o Android Police, a nova versão vai dividir o divide o mensageiro em abas específicas: uma só para chamadas de voz e outra para as mensagens de texto.
Enquanto a realidade de chamadas gratuitas via Whatsapp não acontece, que talcompartilhar imagens engraçada pelo app? Ou ainda aproveitar o fim de semana de recassa do Carnaval e enviar memes divertidos para seu amigos! Divirta-se.
Fonte: MSN

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

CARNAVAL DO SETH SERÁ NO PALESTRA EC


                                  convites gratuitos e limitados

Sindicato SETH fecha parceria com Palestra Esporte Clube e associados vão pular o Carnaval no tradicional clube Rio Preto


Com a união de vários Sindicatos de São José do Rio Preto o SETH (Sindicato dos Empregados em Turismo e Hospitalidade de São José do Rio Preto e Região) firmou uma parceria que promete ser um grande sucesso para sua categoria.
Os trabalhadores associados(sindicalizados) ao SETH vão ter a oportunidade de pular o Carnaval  em um dois maiores clubes sociais da Região de São José do Rio Preto, estamos falando do “Palestra Esporte Clube” que conta com uma estrutura magnífica e há muitos anos se destaca como um dos grandes clubes que promovem esta festa nacional que é o carnaval o clube fica na Rua General Glicério, 2.500 - Centro.
O Presidente do SETH Sergio Paranhos analisa de maneira muito favorável esta grande iniciativa, para ele preencher esta lacuna é de grande satisfação, ele diz que há muito tempo o SETH gostaria de realizar para os associados este beneficio e agora será possível, o Carnaval é uma festa grandiosa e os trabalhadores vão ter um local de muito conforto para passar este feriado ao lado da família e amigos.
Para ter acesso aos convites o trabalhador associado devera comparecer ao Sindicato para retirar os convites e os dias da festa serão os seguintes:
PROGRAMAÇÃO DE BAILES
·         14 DE FEVEREIRO DE 2015 (SÁBADO) 22:00 AS 3:00 HORAS
·         15 DE FEVEREIRO DE 2015 (DOMINGO) 16:00 AS 19:00 HORAS – MATINÊ E A NOITE DAS 20:00 AS 24:00 HORAS
·         16 DE FEVEREIRO DE 2015 (SEGUNDA-FEIRA) 23:00 AS 3:00 HORAS
·         17 DE FEVEREIRO DE 2015 (TERÇA-FEIRA) 16:00 AS 20:00 HORAS – MATINÊ E A NOITE DAS 20:00 AS 24:00 HORAS.

O associado do SETH também terá direito a comparecer no dia 8 de fevereiro (DOMINGO) no Clube de Campo do Palestra localizado na Avenida Fernando Bonvino s/n distrito industrial, a participar do ESQUENTA o horário ainda será confirmado neste dia teremos as participações da Rainhas, Princesas e Misses Simpatias.
Portanto o SETH destaca mais uma grandiosa parceria para nossos trabalhadores, pedimos aos nossos associados que procurem o Sindicato para terem mais informações a respeito deste beneficio, faça sua carteirinha e torne seu Sindicato SETH cada vez mais fortes, lembrem-se trabalhadores “unidos somos fortes”.
O SETH fica na Rua Conselheiro Saraiva, 317, Vila Ercilia em São Jose do Rio Preto – SP, nosso telefone é o 17-3203-0077, nosso site é o www.sindicatoseth.com.br, faça-nos uma visita e conheça o seu Sindicato.

Ana Maurícia: a beleza da honestidade

Fotos: Sergio Isso


Cabelos pretos, penetrantes olhos castanhos, sorriso impecável, lábios e rosto perfeitos. Bem produzida, a catadora de lixo reciclável Ana Maurícia dos Santos Cruz, de 23 anos, bem que poderia ser uma modelo de sucesso. Mas no dia a dia, a beleza ficava escondida atrás das roupas usadas e luvas gastas para se proteger enquanto revira lixeiras nas ruas de Barretos em busca de material reciclável. 

A vida dela virou da noite para o dia depois que achou jogados no lixo uns cheques no valor de R$ 250 mil que eram do Hospital do Câncer de Barretos, no último dia 23. Em vez de buscar tirar algum proveito, ela simplesmente os devolveu. A boa ação chamou a atenção da imprensa e ela se tornou uma celebridade instantânea. 

"Nunca quis ser famosa. Só achei uma agenda no meio do lixo do hospital. Levei pra casa e só lá fui descobrir que tinha os cheques. Nunca passou por minha cabeça ficar com o dinheiro ou levar vantagem. Não foi assim que fui criada", diz ela, que, deu entrevistas para a maioria das emissoras de televisão do País, sem contar as rádios e os jornais impressos, como o OLÁ, que foi até Barretos falar com ela, atraído por sua generosidade e beleza. 

Ana Maurícia tem um filho, Maurício, de 4 anos, que cria na casa dos pais. O marido está preso por tráfico de drogas, segundo ela, sem previsão de ganhar liberdade. Com dificuldades para sobreviver, a catadora de lixo afirma que vai aproveitar todas as ofertas de trampo que receber. "O pessoal do Hospital do Câncer queria me empregar como copeira, mas o turno é das 14 às 22 horas. Não dá porque ganhei um curso de técnica em enfermagem no Senac e as aulas são à noite. Se abrir vaga em outro turno, aí eu aceito", conta Ana. 

A direção do Hospital do Câncer informa que mantém a disposição de arrumar um emprego para ela, mas por enquanto não tem outra vaga. A direção do North Shopping, também de Barretos, convidou Ana para estrelar duas campanhas publicitárias e também ofereceu emprego em lojas do local. "Seja qual for a chance, eu vou agarrar. Preciso de grana para criar meu filho", diz a catadora. Toda sorte para ela.

Fonte: DIARIO WEB

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Santos FC tem ótimas lembranças de São José do Rio Preto

A partida de domingo, às 19h30, contra o Red Bull Brasil, pelo Paulistão Itaipava 2015 será a primeira do Santos FC contra a equipe. Mas a cidade de São José do Rio Preto, no interior do Estado de São Paulo, trás boas lembranças para o torcedor santista.
No estádio Benedito Teixeira, o popular Teixeirão, no dia 19 de dezembro de 2004, o Santos conquistava o oitavo título Brasileiro, na vitória por 2 a 1 contra o Vasco da Gama. Os gols foram marcados por Ricardinho e Elano.
Em São José do Rio Preto o Peixe já jogou 49 vezes, sendo 24 vitórias, nove empates e 16 derrotas. Foram marcados 83 gols e 56 sofridos.
Já no Teixeirão, o alvinegro praiano fez nove partidas, com sete vitórias, um empate e uma derrota. Marcou 23 gols e sofreu nove.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Rio Preto x Primavera - Vale a primeira vitória na Série A3!


Com a derrota por 2 a 0 para o Atibaia na primeira rodada, o Rio Preto agora sonha em somar os três primeiros pontos na Série A3 do Campeonato Paulista. Nesta quarta-feira, o time do técnico Ricardo Moraes enfrenta o Primavera no estádio Anísio Haddad, às 16 hs.










Comandados por Drey, o Tricolor de Indaiatuba também perdeu na estreia, mas para o Taubaté, por 2 a 1. A derrota o deixou na 14ª posição, enquanto o Rio Preto é o 18º, dentro da zona de rebaixamento. O time da casa só está a frente de Cotia e Grêmio Osasco.
QUEM ENTRA?
Para o confronto, o técnico Ricardo Moraes tem duas baixas: o polêmico atacante Robinho, expulso, e o zagueiro Rafael Santos, que só voltará a campo dentro de 60 dias por conta de uma lesão no ligamento do joelho esquerdo na pré-temporada. Com a ausência do zagueiro, a diretoria esmeraldina corre atrás de mais um defensor para a posição.

Comenta-se nos bastidores a possível contratação do zagueiro Guilherme Souza, que na temporada passada defendeu o São José na Série A-2 e o União Barbarense na Copa Paulista. Para o setor, o clube tem Pablo, Renato, Miler (ex-Barretos) e o prata da casa Rafael Oliveira, 17 anos. Com relação ao atacante Gustavo Henrique contratado por empréstimo junto a Ferroviária, o jogador ainda não tem condições de jogo devido documentação. Para o lugar de Robinho deverá jogar Cláudio Mussun.
FICA IGUAL
Sonhando com a primeira vitória na Série A3, o técnico José Luiz Drey deve manter o mesmo time do último sábado. O autor do único gol até aqui, o meio campo Cris continuará ao lado de Paulo Moraes, com Léo Souza e Romano mais a frente, brigando com os zagueiros.
Em entrevista ao Futebol Interior, Drey mostrou confiança no elenco. “Estamos confiante em um bom resultado lá em São José do Rio Preto. O time deles também vem de uma derrota na primeira rodada e acho que por isso será um jogo muito bom, aberto, com chance para os dois lados”, afirmou.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Marquinhos Gabriel chega ao Santos FC: “Sei da importância desta camisa”

O meia-atacante Marquinhos Gabriel foi apresentado nesta segunda-feira (26), no CT Rei Pelé, e falou da felicidade em chegar ao Alvinegro Praiano. O jogador de 24 anos que chegou como o quinto reforço do Santos FC para a temporada e vestirá a camisa 31.
“Sei a importância de vestir essa camisa. Todo o jogador quer atuar aqui no clube de Pelé, Robinho, Diego, Elano. É uma satisfação grande, espero dar conta do recado”, disse o meia em sua chegada.
Esta não será a primeira vez que Marquinhos Gabriel trabalhará com o técnico Enderson Moreira. Os dois estiveram juntos no Internacional (RS). “A minha relação com ele (Enderson) foi a melhor possível, trabalhamos um ano lá e fizemos um trabalho bom. É muito bom estar de volta aos trabalhos com ele, espero que tudo ocorra bem no Santos FC”.
Grato pela maneira com que foi acolhido pelos companheiros no CT Rei Pelé, Marquinhos Gabriel deseja dar o retorno o quanto antes à torcida do Peixe. “Espero ajudar muito em campo, pois fora de campo, todos estão me dando força nesse começo”.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Sindicatos e Palestra fazem parceria

Até o momento cinco sindicatos confirmaram parceria e seus associados poderão pular o Carnaval no Palestra. A ideia é levar aos trabalhadores uma nova opção para comemorar a maior festa do país; trabalhadores poderão aproveitar 4 noites e duas matinês
Alguns sindicatos do Movimento Sindical Unificado de Rio Preto e outros fizeram uma parceria com o Palestra Esporte Clube para o Carnaval deste ano.
Segundo Márcia Caldas, presidente do Sincomerciários (Sindicato dos Empregados no Comércio), ela foi procurada pelo presidente do Palestra que propôs uma parceria com o movimento sindicato. “Nos reunimos com o pessoal do Palestra e com os presidentes e diretores de alguns sindicatos e fechamos uma acordo que vai beneficiar nossos associados”, salientou Márcia.
Outro presidente de sindicato que também comemorou a parceria foi Sérgio Paranhos, presidente do SETH (Sindicato dos Empregados em Turismo e Hospitalidade). Segundo ele, os sindicatos irão ter uma cota de convites para as quatro noites de Carnaval (14 a 17 de fevereiro) e as duas matinês (15 e 17 de fevereiro).
Cada sindicato terá sua forma própria de distribuição dos convites para o Carnaval do Palestra.
Além do Sincomerciários e o SETH, já estão confirmados a participação do SEAAC, do Sindicato dos Frentistas e do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação. Para obter mais informações, ligue nos sindicatos participantes.
Fonte: Sérgio Sampaio – Jornal do Trabalhador

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Vem ai o pacotão da Maldade, eu gostaria de saber se vale também para a presidente, senadores, deputados, militares, funcionários públicos ou só para o povão que banca e paga a Previdência Social?

Governo anunciou em dezembro mudanças em benefícios previdenciários.
Outras regras começam a valer nos próximos meses.

Começa a valer nesta quarta-feira (14) uma das novas regras anunciadas pelo governo para a pensão por morte. A partir de agora, só terá direito ao benefício quem tiver pelo menos dois anos de casamento ou união estável. A legislação anterior não estabelecia um prazo mínimo para a união.
As mudanças na pensão por morte fazem parte de um pacote de medidas provisórias anunciadas pelo governo no final do ano passado para tornar mais rigoroso o acesso da população a uma série de benefícios previdenciários. As mudanças não afetam quem já recebe o benefício.
Já no dia 30 de dezembro, entrou em vigor a alteração que estabelece que deixa de ter à pensão o dependente condenado pela prática de crime que tenha resultado na morte do segurado.
Outras regras para o benefício entrarão em vigor a partir de 1º de março. Uma delas estabelece um prazo de “carência” de 24 meses de contribuição do segurado para que o dependente obtenha os recursos. Atualmente, não é exigido tempo mínimo de contribuição para que os dependentes tenham direito ao benefício, mas é necessário que, na data da morte, o segurado esteja contribuindo.
Também começa a valer em março um novo cálculo que reduzirá o valor da pensão (do patamar de 100% do salário de benefício para 50% mais 10% por dependente até o limite de 100% e com o fim da reversão da cota individual de 10%).
Outra mudança é a vitaliciedade do benefício. Cônjuges “jovens” não receberão mais pensão pelo resto da vida. Pelas novas regras, o valor será vitalício para pessoas com até 35 anos de expectativa de vida – atualmente quem tem 44 anos ou mais. A partir desse limite, a duração do benefício dependerá da expectativa de sobrevida.
Desse modo, o beneficiário que tiver entre 39 e 43 anos receberá pensão por 15 anos. Quem tiver idade entre 33 e 38 anos obterá o valor por 12 anos. O cônjuge com 28 a 32 anos terá pensão por nove anos. Quem tiver entre 22 e 27 anos receberá por seis anos. E o cônjuge com 21 anos ou menos receberá pensão por apenas três anos.
MAIS MUDANÇAS
A minirreforma previdenciária anunciada em dezembro inclui também mudanças no seguro-desemprego, abono salarial, auxílio-doença e seguro-defeso, que começam a valer nos próximos meses.

Novas regras para o seguro-desemprego
Com as novas regras, que entram em vigor em março, o trabalhador que solicitar o benefício pela primeira vez, terá de ter trabalhado por 18 meses nos 24 meses anteriores. Na segunda solicitação do benefício, ele terá de ter trabalhado por 12 meses nos 16 meses anteriores e, a partir da terceira solicitação, terá de ter trabalhado, pelo menos, por seis meses ininterruptos nos 16 meses anteriores.

De acordo com o Ministério da Fazenda, na primeira solicitação, o trabalhador poderá receber quatro parcelas se tiver trabalhado entre 18 e 23 meses nos 36 meses anteriores. Poderá receber cinco parcelas se tiver trabalhado a partir de 24 meses nos 36 meses anteriores. Já na segunda solicitação, ele poderá receber quatro pardelas se tiver trabalhado entre 12 e 24 meses nos 36 meses anteriores..
A partir da terceira solicitação do seguro-desemprego, vale a regra anterior, que prevê o recebimento de três parcelas para quem trabalhou entre 6 e 11 meses nos 36 meses anteriores. Para receber quatro parcelas do seguro-desemprego, ele terá de ter trabalhado entre 12 e 23 meses nos 36 meses anteriores e, para receber cinco parcelas, terá de ter trabalhado por, pelo menos, 24 meses nos 36 meses anteriores.



terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Dilma veta projeto de lei que reduz INSS das domésticas.



A presidente Dilma Rousseff vetou, integralmente, o Projeto de Lei 7.082/2010, que reduz a contribuição social do empregador e do empregado doméstico ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Para rejeitar a proposta, Dilma alegou "contrariedade ao interesse público" e "impacto negativo" nas contas do governo de cerca de R$ 600 milhões por ano, "não condizente com o momento econômico atual".
A proposta, aprovada pelo Congresso na primeira quinzena de novembro, criaria uma alíquota única de 6% sobre o salário para a contribuição social recolhida por empregador e pelo trabalhador. A legislação atual prevê alíquotas que variam entre 8%, 9% e 11% de recolhimento pelo funcionário doméstico. Já a contribuição devida pelo patrão é de 12% do salário do empregado. 
Na justificativa do veto, Dilma destaca que o projeto é anterior à Emenda das Domésticas. "O Projeto de Lei foi proposto anteriormente à promulgação da Emenda Constitucional nº 72, de 2 de abril de 2013, cuja regulamentação legal, de forma integral e mais adequada, encontra-se em tramitação no Congresso Nacional", cita na mensagem com a razão do veto, publicada no Diário Oficial da União.